Desamparo e religiosidade: O futuro de uma ilusão 85 anos depois

Autores

  • Juarez Guedes Cruz Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre (SPPA)

Palavras-chave:

Religiosidade, Desamparo, Psicanálise, Filosofia

Resumo

O presente estudo revisa os textos de alguns dos principais autores não psicanalíticos que, antes e depois de Freud, abordaram a questão da religiosidade. Pretende-se, assim, examinar e comentar as bases filosóficas e sociológicas das ideias que Freud desenvolveu, há oitenta e cinco anos, nas páginas de O futuro de uma ilusão e avaliar os desenvolvimentos de tais concepções nas décadas que se seguiram (AU)

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juarez Guedes Cruz, Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre (SPPA)

Psicanalista, membro efetivo e analista didata da Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre.

Referências

BICCA, L. (2009). Carnéades em Roma: ceticismo e dialética. Revista Sképsis, ano 4, n. 5. Disponível em: < http://www.revista-skepsis.com/pdf/77_05.pdf >.

BION, W. R. (1968). Experiências com grupos. Rio de Janeiro: Imago, 1970.

BUARQUE DE HOLLANDA, F. (1997) Beatriz. In: BUARQUE DE HOLLANDA, F.; LOBO, E. Álbum de teatro. São Paulo: BMG Brasil Ltda. 1 CD.

DAWKINS, R. (2006). Deus: um delírio. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

. (2011). A magia da realidade: como sabemos o que é verdade. São Paulo, Companhia das

Letras, 2012.

DIDEROT, D. (1796). La religieuse. In: ASSÉZAT, J. (Ed.). The project Gutenberg ebook of ‘La

religieuse’. Extrait des OEuvres complètes de Diderot, T. 5, Paris : Garnier Frères, 1875. Disponível

em: < http://www.gutenberg.org/files/28827/28827-h/28827-h.htm >.

EPICURO. (sec.III a.C.). Principal doctrines and letter to Menoeceus. In: MAGIL, F. N.(1990).

Masterpieces of world philosophy. New York: Harper Collins.

FAVALLI, P. H. (2011). Religião, espiritualidade e doença mental. Texto apresentado à X Jornada

Gaúcha de Psiquiatria. Impresso, 6 p.

FERRY, F. (1996). O homem-Deus. O sentido da vida. Rio de Janeiro: Difel.

FEUERBACH, L. (1841). A essência do cristianismo. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian,

Disponível em: < http://ensinoreligiosonreapucarana.pbworks.com/f/

_texto_essenciadareligiao.pdf >.

FREUD, S. (1911). Formulações sobre os dois princípios do funcionamento mental. Edição standard

brasileira das obras psicológicas completas de Sigmund Freud. v. 12. Rio de Janeiro: Imago,

FREUD, S. (1927). O Futuro de uma ilusão. Edição standard brasileira das obras psicológicas

completas de Sigmund Freud. v. 21. Rio de Janeiro: Imago, 1969.

HARRIS, S. (2005). The end of faith. Disponível em: < http://www.antitheists.co.uk/resources/

Sam%20Harris%20-%20The%20End%20of%20Faith.pdf >.

HUME, D. (1757) História natural da religião. Disponível em: < http://www.cfh.ufsc.br/~conte/

hume-nhr1.pdf >.

MARX, K. (1844). Para a crítica da filosofia do direito de Hegel. Disponível em: < http://

www.lusosofia.net/textos/marx_karl_ para_a_critica_da_filosofia_do_direito_de_hegel.pdf >.

MORIN, E. (1997). Amor, poesia, sabedoria. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1998.

NIETZCHE, F. (1886). Além do bem e do mal. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.

. (1888). Ecce homo. Como se vem a ser o que se é. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2011.

ONFRAY, M. (2005). Tratado de ateologia. São Paulo: Martins Fontes, 2009.

SARTRE, J. P. (1946). O existencialismo é um humanismo. Disponível em: http://saladeestudos.com/

material/sartre.pdf >.

Publicado

2012-08-01

Como Citar

Cruz, J. G. (2012). Desamparo e religiosidade: O futuro de uma ilusão 85 anos depois. Revista De Psicanálise Da SPPA, 19(2), 315–332. Recuperado de https://revista.sppa.org.br/RPdaSPPA/article/view/554

Edição

Seção

Artigos