Acesso Livre Acesso Livre  Acesso restrito Acesso Restrito

Sábato, Winnicott e Grunberger: um encontro em El túnel

Carlos Marcírio Naumann Machado, Elisabeth Mazeron Machado

Resumo


A aproximação com Winnicott refere-se às hipóteses de que a transicionalidade, no sentido primitivo, tenha deixado cicatrizes irreparáveis no personagem central de Sábato, com potentes angústias de separação. A ligação com os aportes de Grunberger incide nos seus entendimentos sobre o narcisismo, sobretudo na dualidade narcisismo/pulsões, na busca de constantes reparações da imagem fálica e, na analidade, com a insistente tendência de domínio e de controle sobre o objeto. Há indícios de que a honra narcísica do protagonista está sempre em perigo e este, então, em constante luta de resgate. Em El túnel, a dor da perda do objeto primário parece ter tomado dimensões acentuadas e esse colapso se reatualizar no vínculo amoroso atual do protagonista. Assim, com um forte investimento de representações ligadas à ferida narcísica (Grunberger), a novela de Sábato ilustra uma impossibilidade de separação, patologia da transicionalidade (Winnicott), em que as relações do sujeito são marcadas por temores catastróficos e, a cada ameaça de perda do objeto, pela emergência de sintomas de ciúme delirante.

Palavras-chave: El túnel, Sábato, Winnicott, Grunberger, ciúme, existencialismo, transicionalidade, narcisismo.

 


Palavras-chave


El túnel; Sábato; Winnicott; Grunberger; ciúme; existencialismo; transicionalidade; narcisismo

Texto completo:

PDF

Referências


Coddou, M. (1966). La estructura y la problematica existencial de El túnel de Ernesto Sábato. Revista ATENEA: Revista trimestral de Ciencias, Letras y Artes, 162 (412). Recuperado de http://www.letras.s5.com/sabato070902.htm.

Freud, S. (1922). Alguns mecanismos neuróticos no ciúme, na paranoia e no homossexualismo. In Edição standard das obras psicológicas completas de Sigmund Freud (Vol. 18), Rio de Janeiro: Imago, 1996.

Grunberger, B. (1960). Estudio sobre la relación anal-objetal. In El narcisismo. Buenos Aires: Trieb, 1979.

Grunberger, B. (1964). De la imagen fálica. In El narcisismo. Buenos Aires: Trieb, 1979.

Grunberger, B. (1967). El Edipo y el narcisismo. In El narcisismo. Buenos Aires: Trieb, 1979.

Kohut, H. (1966). Formas e transformações do narcisismo. In Self e narcisismo. Rio de Janeiro: Zahar, 1984.

Leiva, A. (Ed.) (2000). Introducción. In E. Sabato, El túnel. (24 ed., pp. 11-48). Madrid: Ediciones Cátedra, col. Letras Hispánicas.

Marillion (1985). Blind Curve - vocal under a bloodlight (part A). Misplaced childhood (record). London: EMI Music. 41 min.

Ogden, T. H. (1996). Os sujeitos da psicanálise. São Paulo: Casa do psicólogo.

Sabato, E. (1948). El túnel (3 ed.). Buenos Aires: Seix Barral, 2007.

Winnicott, D. W. (1963a). Comunicação e falta de comunicação levando ao estudo de certos opostos. In O ambiente e os processos de maturação: estudos sobre a teoria do desenvolvimento emocional (3. ed.), Porto Alegre: Artes Médicas, 1990.

Winnicott, D. W. (1963b). O desenvolvimento da capacidade de se preocupar. In O ambiente e os processos de maturação: estudos sobre a teoria do desenvolvimento emocional (3. ed.), Porto Alegre: Artes Médicas, 1990.

Winnicott, D. W. (1975). O brincar e a realidade. Rio de Janeiro: Imago.




DOI: https://doi.org/10.5281/sppa%20revista.v23i3.262

Direitos autorais

Revista de Psicanálise da SPPA | Publicada desde 1993 (1988-93 com o nome de Arquivos de Psicanálise da SPPA)

Publicação Quadrimestral | ISSN 1413-4438 (versão impressa) | ISSNe 2674-919X (versão eletrônica) | Qualis: B2 Psicologia
 
INDEXADORAS:
LILACS | Biblioteca Virtual da Saúde (OPAS - BIREME)
CLASE | Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (Universidad Nacional Autónoma de México - UNAM)
Scholar | Google Acadêmico

Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre

Rua General Andrade Neves, 14/402 | 90010-210 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone +55 (51) 3224-3340 | WhatsApp (51) 9 8487-0158 | E-mail: revista@sppa.org.br