Acesso Livre Acesso Livre  Acesso restrito Acesso Restrito

Algumas observações oriundas da leitura de O estrangeiro de Albert Camus

Paulo Henrique Favalli

Resumo


A obra literária de Albert Camus O estrangeiro apresenta um personagem cujo comportamento leva a pensar em quadros clínicos cada vez mais frequentes no mundo atual. São as chamadas patologias do vazio, as quais se caracterizam pela incapacidade de pensar e de dar às diversas experiências da vida um significado emocional mais genuíno.

 

Some observations from reading Albert Camus’ The stranger

Albert Camus’ literary work The stranger presents a character whose behaviorreminds us of clinical cases which are increasingly frequent nowadays. Those are the so-called pathologies of emptiness, which typically show an inability to think and to assign real emotional meaning to the very experiences of life.

 


Palavras-chave


Albert Camus; O estrangeiro; patologias do vazio; pulsão de morte; pós-modernidade

Texto completo:

PDF

Referências


Camus, A. (1957) O Estrangeiro. Rio de janeiro: Record. 2005.

Kristeva, J. (1993) As novas doenças da alma. Rio de Janeiro: Rocco, 2002.

Lisondo, A.B. D. (2004) Na cultura do vazio, patologias do vazio. Revista Brasileira de Psicanálise, 38 (2), pp. 335-358, 2004.




DOI: https://doi.org/10.5281/sppa%20revista.v20i2.93

Direitos autorais

Revista de Psicanálise da SPPA | Publicada desde 1993 (1988-93 com o nome de Arquivos de Psicanálise da SPPA)

Publicação Quadrimestral | ISSN 1413-4438 (versão impressa) | ISSNe 2674-919X (versão eletrônica) | Qualis: B2 Psicologia
 
INDEXADORAS:
LILACS | Biblioteca Virtual da Saúde (OPAS - BIREME)
CLASE | Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (Universidad Nacional Autónoma de México - UNAM)
Scholar | Google Acadêmico

Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre

Rua General Andrade Neves, 14/402 | 90010-210 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone +55 (51) 3224-3340 | WhatsApp (51) 9 8487-0158 | E-mail: revista@sppa.org.br