Acesso Livre Acesso Livre  Acesso restrito Acesso Restrito ou Pago

O fazer poético de Manuel Bandeira: aproximações psicanalíticas

Karem Cainelli

Resumo


Procura-se descrever a experiência poética de Manuel Bandeira e explorar a sua criação a partir de uma leitura psicanalítica fundamentada em algumas ideias das obras de Freud, Bion e Meltzer. Tendo como texto base a autobiografia do poeta, relaciona a psicanálise com os processos mentais implicados na elaboração de textos poéticos. Ao longo do artigo, os poemas serão trazidos à leitura para ilustrarem o fazer poético de Manuel Bandeira. Através dos poemas, o leitor tem acesso a emoções.

 

The poetic making of Manuel Bandeira: psychoanalytic approaches

The intention here is to describe Manuel Bandeira’s poetic experience and explore his literary creation using as starting point the psychoanalytic reading, based on some ideas from the works of Freud, Bion, and Meltzer. Taking as foundation text the author’s autobiography, the author relates psychoanalysis to the mental processes involved in the creation of poetic texts. Throughout the article, the poems will be brought to the reading to illustrate the poetic making of Manuel Bandeira. Through the poems, the reader has access to emotions.


Palavras-chave


impressão poética; psicanálise; criação artística; capacidade negativa; impacto estético; eu lírico; ritmo poético; Manuel Bandeira

Texto completo:

PDF

Referências


Bandeira, M. (1993). Manuel Bandeira: poesia completa e prosa. Rio de Janeiro: Nova Aguilar.

Bion, W. R. (1973). Atenção e interpretação: uma aproximação científica à compreensão interna na psicanálise e nos grupos. Rio de Janeiro: Imago.

Freud, S. (1908 [1907]). Escritores criativos e devaneio. In: Edição standard brasileira das obras psicológicas completas de Sigmund Freud (Vol. 9, pp. 145-158), Rio de Janeiro: Imago, 1976.

_____. (1911). Formulações sobre os dois princípios do funcionamento mental. In: Edição standard brasileira das obras psicológicas completas de Sigmund Freud (Vol. 12, pp. 271-286), Rio de Janeiro: Imago, 1976.

Meltzer, D., & Harris, W. M. (1995). A apreensão do belo: o papel do conflito estético no desenvolvimento, na violência e na arte. Rio de Janeiro: Imago.

Prose, F. (2006). Para ler como um escritor: um guia para quem gosta de livros e para quem quer escrevê-los. Rio de Janeiro: Zahar.

Sandler, P. C. (2010). Bion e poesia. Jornal de Psicanálise, 43(78), 151-172.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2013 Revista de Psicanálise da SPPA

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Revista de Psicanálise da SPPA | Publicada desde 1993 (1988-93 com o nome de Arquivos de Psicanálise da SPPA)

Publicação em fluxo contínuo | ISSNe 2674-919X (versão eletrônica) | ISSN 1413-4438 (versão impressa) | Qualis B1 (Psicologia)


INDEXADORAS

BiViPsi | Biblioteca Virtual de Psicanálise (FEPAL)
CLASE | Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (Universidad Nacional Autónoma de México - UNAM)
EBSCO | Academic Search Ultimate (EBSCO Industries, Inc. USA)
Latindex (Diretório) | Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal (Universidad Nacional Autónoma de México - UNAM)
LILACS | Biblioteca Virtual da Saúde (OPAS - BIREME)
PsycINFO | American Psychoanalytical Association (APA)
Scholar | Google Acadêmico

 
Rua General Andrade Neves, 14/402 | Centro Histórico | 90010-210 | Porto Alegre, RS | Brasil-| +55 51 98487 0158 | revista@sppa.org.br