Acesso Livre Acesso Livre  Acesso restrito Acesso Restrito

Continuidade e mudança na evolução do pensamento póskleiniano em Londres: o trabalho clínico de John Steiner, Ronald Britton e Michael Feldman (1988-2004)

Joseph Aguayo

Resumo


O autor examina os recentes aportes clínicos dos analistas kleinianos contemporâneos. Discute a influência das primeiras contribuições kleinianas para o trabalho da geração atual desses analistas. Discorre sobre as ideias clínicas essenciais de John Steiner, Ronald Britton e Michael Feldman e examina o quanto elas representam uma inovação clínica genuína ou mero aprimoramento do trabalho de seus antecessores – Bion, Rosenfeld, Segal e Joseph. O autor defende a tese que o desenvolvimento kleiniano em Londres tem uma evolução contínua e gradual que resultou em um novo padrão de pensamento clínico que segue microscopicamente o desdobramento momento a momento da sessão analítica. O artigo tem um enfoque eminentemente clínico e analisa conceitos considerados úteis especialmente com pacientes difíceis ou borderline/narcisistas (AU)


Palavras-chave


Enactment; Contratransferência; kleinianos contemporâneos; Kleinianos; Pós-kleinianos; Pacientes difíceis; Borderline; Teoria das relações de objeto; Técnica psicanalítica

Texto completo:

PDF

Referências


Bion , W. (1962). The psychoanalitic study of thinking: II a theory of thinking. Int. J. Psychoanal., 43, n.4/5, p. 306-310.

Brenman -Pick , I. (1985) Working through in the countertransference,IJPA:66: 157-166.

Britton , R. (1989). The Missing link: parental sexuality in the Oedipus complex. J. Steiner. The Oedipus Complex Today. London: Karnac Books.

. (1998). Belief and Imagination: explorations in psychoanalysis. London: New Library of Psychoanalysis.

. (2001). Beyond the depressive position: Ps(n+1), in C. Bronstein, ed. Kleinian Theory: A Contemporary Perspective. London: Brunner/Routledge.

Feldman , M. (1997). Projective identification: the analyst’s involvement. Int. J. Psychoanal. V.78, n.2, p.227-241.

. (2000). Some manifestations of the death instinct. Int. J. Psychoanal., v.81, n. , p.53-67.

Grinberg , L., (1962) On a specific aspect of countertransference due to the patient’s projective identification, IJPA:43: 436-440.

Heimann , P. (1950). On countertransference. Int. J. Psychoanal., v.31, n.1/2, p.81-84.

Joseph , B. (1989). Psychic Equilibrium and Psychic Change. Selected Papers of Betty Joseph. London: Routledge.

Segal , H. (1993). On the clinical usefulness of the concept on death instinct. Int. J. Psychoanal., v.74, n.1, p.55-61.

Spilli us, E. (1988a). Melanie Klein today: developments in theory and practice. London: New Library of Psychoanalysis.

Steiner , J. (1993). Psychic Retreats. London: New Library of Psychoanalysis.




DOI: https://doi.org/10.5281/sppa%20revista.v13i3.572

Direitos autorais 2017 Joseph Aguayo

Revista de Psicanálise da SPPA | Publicada desde 1993 (1988-93 com o nome de Arquivos de Psicanálise da SPPA)

Publicação Quadrimestral | ISSN 1413-4438 (versão impressa) | ISSNe 2674-919X (versão eletrônica) | Qualis: B2 Psicologia
 
INDEXADORAS:
LILACS | Biblioteca Virtual da Saúde (OPAS - BIREME)
CLASE | Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (Universidad Nacional Autónoma de México - UNAM)
Scholar | Google Acadêmico

Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre

Rua General Andrade Neves, 14/402 | 90010-210 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone +55 (51) 3224-3340 | WhatsApp (51) 9 8487-0158 | E-mail: revista@sppa.org.br