Acesso Livre Acesso Livre  Acesso restrito Acesso Restrito

Procurando Diogo Soares, encontro o complexo de Édipo?

Eneida Iankilevich

Resumo


A partir da leitura do livro Desaparecido, da autoria de cinquenta jovens de 11 anos de idade de uma escola de Porto Alegre, o conceito psicanalítico de sexualidade é estudado. O livro conta a busca de um jovem casal, recém-casado, por Diogo Soares, o pai da noiva, desaparecido desde o casamento. Impossível não ler aí uma recriação do mito edípico, sendo a autora psicanalista. O fato de ter sido escrito por cinquenta jovens mentes reforça a noção freudiana de ser este o complexo nuclear do desenvolvimento psicossexual do ser humano. Controvérsias dentro da teoria psicanalítica sobre o conceito são examinadas. A autora propõe que, assim como a resolução do complexo de Édipo impõe a renúncia aos pais e ao eu infantis e um trabalho de luto daí decorrente, precisamos renunciar ao Freud que teria todas as respostas para torná-lo inspiracional, possibilitando o desenvolvimento da psicanálise.

Palavras-chave: Sexualidade; Complexo de Édipo; Desidealização; Adolescência

 

Will I find the Oedipus complex when looking for Diogo Soares?

Starting from the reading of the book Desaparecido, written by fifty children aged 11 years old from a school in Porto Alegre, the author investigates the psychoanalytic concept of sexuality. The book is about the search - conducted by a young and recently married couple - for Diogo Soares, the bride’s father who had disappeared since the wedding. Considered that the author of this paper is a psychoanalyst, it is impossible not to read in that story the recreation of the Oedipus myth. The fact it was written by fifty young minds reinforces the Freudian notion that this complex is nuclear for the human being’s psychosexual development. Controversies regarding that concept are investigated within psychoanalytic theory. Similarly to the way the resolution of the Oedipus complex imposes the renunciation to the parents and to the self from childhood as well as a work of mourning, the author proposes that we should also renounce to the Freud who would have all the answers so as to transform him into an inspiration and allow psychoanalysis to develop.

Keywords: Sexuality; Oedipus Complex; Desidealization; Adolescence

Resumen

Buscando Diogo Soares, encuentro el complejo de Edipo?

A partir de la lectura del libro Desparecido, de autoría de cincuenta jóvenes de 11 años de edad de una escuela de Porto Alegre, es estudiado el concepto psicoanalítico de sexualidad. El libro relata la búsqueda de una joven pareja, recién casada, por Diogo Soares, el padre de la novia, desaparecido desde el casamiento. Imposible no leer ahí una recreación del mito edípico, la autora siendo psicoanalista. El hecho de haber sido escrito por cincuenta jóvenes mentes refuerza la noción de ser este el complejo nuclear del desarrollo psicosexual del ser humano. Controversias dentro de la teoría psicoanalítica sobre el concepto son examinadas. La autora propone que, así como la resolución del complejo de Edipo impone la renuncia a los padres y al yo infantil y un trabajo de luto decurrente de eso, necesitamos renunciar al Freud que tendría todas las respuestas para volverlo una inspiración, posibilitando el desarrollo del psicoanálisis.

Palabra clave: Sexualidad; Complejo de Edipo; Desidealización; Adolescencia


Palavras-chave


Sexualidade; Complexo de Édipo; Desidealização; Adolescência

Texto completo:

PDF

Referências


Aulagnier, P. (1984). O aprendiz de historiador e o mestre-feiticeiro. São Paulo: Escuta, 1989.

Azevedo, B. A. (2013). Por uma psicanálise com sexualidade. SIG: Revista de Psicanálise, 1: 37-50.

Bloss, P. (1979). Transição adolescente. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996.

Brito, K. & Dickel, G. B. (Orgs.) (2013). Desaparecido. Porto Alegre: Colégio Israelita Brasileiro. Escrito e ilustrado pelos alunos do 5º ano EF do Colégio Israelita Brasileiro.

Calich, J. C. (2015) Apresentação da edição brasileira. In J. Laplanche, Sexual. Porto Alegre/São Paulo: Dublinense.

Etchegoyen, R. H. (1987). Fundamentos da técnica psicanalítica. Porto Alegre: Editora Artes Médicas.

Ferro, A. & Nicoli, L. (2017). The new analyst’s guide to the galaxy. London: Karnac.

Freud, S. (1924). A dissolução do complexo de Édipo. Edição standard brasileira das obras completas de Sigmund Freud, (Vol. 19). Rio de Janeiro, Imago, 1976.

Freud, S. (1926) Inibições, sintomas e ansiedade. Edição standard brasileira das obras completas de Sigmund Freud, (Vol. 20). Rio de Janeiro, Imago, 1976.

Gabbard, G. O. & Ogden, T. O. (2011). Tornar-se psicanalista. Livro Anual de Psicanálise, XXV, 117-131, 2011.

Green, A. (1995). Sexualidade tem algo a ver com psicanálise? Livro Anual de Psicanálise, XI, 217-229, 1995.

Green, A. (2011). Illusions and disillusions of psychoanalytic work. London: Karnac, Psychoanalytical Ideas and Applications Series.

Iankilevich, E. (2010). A conquista da alteridade, antídoto da solidão. Revista do IEPP, 12: 43-49.

Klein, M. (1932). Psicanálise da criança. São Paulo: Editora Mestre Jou, 1969.

Laplanche, J. (2015). Sexual. Porto Alegre/São Paulo: Dublinense.

McDougall, J. (1989). Em defesa de uma certa anormalidade. Porto Alegre: Artes Médicas.

Meltzer, D. (1967). El processo psicoanalitico. Buenos Aires: Lumen-Hormé, 1996.

Mezan, R. (2014). O tronco e os ramos. São Paulo: Companhia das Letras.

Smadja, E. (2013). O complexo de Édipo, cristalizador do debate entre psicanálise e antropologia. Livro Anual de Psicanálise, XXVII-1, 101-118, 2013.

Winnicott, D.W. (1963a). Da dependência à independência no desenvolvimento do indivíduo. In O ambiente e os processos de maturação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1979.

Winnicott, D.W. (1963b). O desenvolvimento da capacidade de se preocupar. In O ambiente e os processos de maturação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1979.




Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre
Rua General Andrade Neves, 14/802
Porto Alegre - RS - Brasil
90010-210

Fone: 55 (51) 3228 7583 / 3224 3340 
revista@sppa.org.br