Acesso Livre Acesso Livre  Acesso restrito Acesso Restrito

Adolescência, psicossomática e psicanálise

Ruggero Levy

Resumo


O autor estuda as manifestações psicossomáticas na adolescência, enfocando o novo processo de subjetivação a partir do necessário reordenamento simbólico que ocorre nesse período da vida. Por tratar-se de um grande trabalho de simbolização que visa reconstruir representações do self e dos objetos que entram em falência na adolescência criam-se, inevitavelmente, insuficiências de simbolização, fazendo com que o corpo jogue um papel importante como depositário de angústias não simbolizadas ou fracamente simbolizadas. A vinheta clínica ilustrativa é de um paciente com doença psicossomática, mas são também estudadas as regressões somáticas episódicas, tão comuns na adolescência.

Palavras-chave: adolescência, psicossomática, subjetivação adolescente, corpo na adolescência.

Abstract

Adolescence, psychosomatics and psychoanalysis

The author studies the psychosomatic manifestations in adolescence, focusing on the new process of subjectivation out of the required symbolic reordering that occurs during this period of life. Since it is a great work of symbolization that aims to reconstruct representations of self and objects which come into collapse in adolescence, insufficient symbolization is created inevitably, causing the body to play an important role as custodian of non symbolized or weakly symbolized anxieties. The clinical vignette is illustrative of a patient with psychosomatic disease, but episodic somatic regressions are also studied, so common in adolescence.

Keywords: adolescence, psychosomatics, adolescent subjectivation, body in adolescence.

 

Resumen

Adolescencia, psicosomática y psicoanálisis

El autor estudia el proceso de subjetivación en la adolescencia desde la reordenación simbólica que tiene lugar en este periodo de la vida y las inevitables insuficiencias de simbolización, haciendo que el cuerpo desempeñe un rol importante como depositario de angustias no simbolizadas o débilmente simbolizadas. Aunque la viñeta clínica ilustrativa trate el caso de una enfermedad psicosomática, también se comentan regresiones somáticas eventuales tan presentes en la adolescencia.

Palabras clave: adolescencia, psicosomática, subjetivación adolescente, cuerpo en la adolescencia.



Palavras-chave


adolescência, psicossomática, subjetivação adolescente, corpo na adolescência.

Texto completo:

PDF

Referências


Aisenstein, M. (2009). Les exigeances de la represéntation. Rapport du Congrés de Langue Fraçaise, 30.

Baranger, W. (1969). Contradicciones entre la teoría y la técnica analíticas. En Problemas del campo analítico. Buenos Aires: Kargieman.

Bion, W. (1959). Ataques ao elo de ligação. In Estudos Psicanalíticos Revisados. Rio de Janeiro: Imago, 1988.

Bion, W. (1962a). Uma teoria sobre o processo de pensar. In Estudos Psicanalíticos Revisados. Rio de Janeiro: Imago, 1988.

Bion, W. (1962b). Aprendiendo de la experiência. Mexico: Paidós, 1991.

Bion, W. (1965). Transformações. Trad. Paulo Cesar Sandler. Rio de Janeiro: Imago.

Ferro, A. (1995). A técnica na psicanálise infantil: a criança e o analista da relação ao campo emocional. Rio de Janeiro: Imago.

Ferro, A. (1997). Na sala de análise. Rio de Janeiro: Imago, 1998.

Green, A. (1990). O trabalho do negativo. In Conferências Brasileiras de André Green - Metapsicologia dos limites. Rio de Janeiro: Imago.

Jeammet, P. (2001). Novas problemáticas da adolescência: evolução e manejo da dependência. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2005.

Lutemberg, J. M. (2005). A criatividade negativa e as doenças psicossomáticas. Rev. Psicanálise da SPPA, 12 (2): 329-351.

Marty, P. (1990). La psicosomática del adulto. Buenos Aires: Amorrortu, 2003.

Marty, P. (1992). Mentalización y psicosomática. Rev. Psicoanálisis, 3: 7-21.

Winnicott, D. W. (1951). Objetos transicionais e fenômenos transicionais. In O brincar e a realidade. Rio de Janeiro: Imago, 1975.




Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre
Rua General Andrade Neves, 14/802
Porto Alegre - RS - Brasil
90010-210

Fone: 55 (51) 3228 7583 / 3224 3340 
revista@sppa.org.br