Acesso Livre Acesso Livre  Acesso restrito Acesso Restrito

Literatura e psicanálise em paralelo

Bety Brunstein

Resumo


Este artigo visa explorar alguns dos entrelaçamentos entre literatura e psicanálise. Procura traçar paralelos que salientam aproximações e diferenças orientadas pela finalidade maior de cada uma dessas atividades. Comenta-se a estética das histórias literárias do escritor, a mobilização de sentimentos que podem provocar e sua relação com o objetivo curativo do psicanalista, que segue a história possível cunhada a partir da palavra do paciente na intersubjetividade do campo analítico. A capacidade criativa, de sonhar e formular hipóteses verossimilhantes é enfatizada nas duas áreas. João Guimarães Rosa, escritor do romance Grande sertão: veredas e contos, inspirou a elaboração dos pensamentos sobre a psique humana aqui expressos. Desenvolve-se, portanto, a tentativa de entender seus personagens com seus conflitos, à luz da psicologia.

 

Literature and psychoanalysis in parallel

This paper has the objective of exploring some interweaving between literature and psychoanalysis. It intends to establish parallels between similarities and differences guided by the upmost objective of each of these activities. The author comments the esthetics of the literary stories of the writer, the mobilization of feelings they may stir, as well as their relation with the curative goal of the psychoanalyst, who follows the possible story, coined from the patient’s word in the intersubjectivity of the analytic field. The creative capacity of dreaming and formulating verisimilitude hypothesis is emphasized in both areas. João Guimarães Rosa, author of the novel The Devil to Pay in the Backlands (Grande sertão:veredas e contos), inspired the elaboration of the thoughts on human psyche here expressed. Therefore, the author elaborates on the attempt to understand his characters in their conflicts, under the light of psychology.


Palavras-chave


literatura; psicanálise; histórias possíveis; Grande sertão: veredas; Guimarães Rosa

Texto completo:

PDF

Referências


Aguiar, F., & Sandroni, L. (Orgs.). (2006). Novas seletas: João Guimarães Rosa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira.

Bittencourt, P. V., & Lopes, P. C. (2008). João Guimarães Rosa. São Paulo: Expressão Popular.

Houaiss, A. (2007). Dicionário eletrônico da língua portuguesa 2.0. Rio de Janeiro: Objetiva. Inclui CD-ROM.

Rosa, J. G. (1946). Sagarana. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1956.

_____. (1956a). Corpo de baile. (Vol. 1), Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2010.

_____. (1956b). Grande sertão: veredas. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2006.

Souza, A. C. (2006). Seminário Internacional Grande sertão: veredas e Corpo de baile – 50 anos. Entrevista à Jornalista Natália Prudêncio e Paulo Faveiro da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão. São Paulo: IEB-USP.




DOI: https://doi.org/10.5281/sppa%20revista.v20i2.14

Direitos autorais

Revista de Psicanálise da SPPA | Publicada desde 1993 (1988-93 com o nome de Arquivos de Psicanálise da SPPA)

Publicação Quadrimestral | ISSN 1413-4438 (versão impressa) | ISSNe 2674-919X (versão eletrônica) | Qualis: B2 Psicologia
 
INDEXADORAS:
LILACS | Biblioteca Virtual da Saúde (OPAS - BIREME)
CLASE | Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (Universidad Nacional Autónoma de México - UNAM)
Scholar | Google Acadêmico

Sociedade Psicanalítica de Porto Alegre

Rua General Andrade Neves, 14/402 | 90010-210 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone +55 (51) 3224-3340 | WhatsApp (51) 9 8487-0158 | E-mail: revista@sppa.org.br